abril 21st, 2014 | Sem Comentários »

Benício, meu bem

Foi numa manhã de sábado
quando a chuva deu descanso
e espaço para o sol brilhar
que nasceu Benício, meu Neto.

O sol que veio recebê-lo
assim como as duas bisavós
e também os avós
deixou deslumbrante aquela manhã.

Pequenino ser
de cabelo arrepiado
despontava para o mundo
e para alento
dos que assistiam
ao seu nascimento.

Lágrimas, risos, felicidade.

Um anjo tão pequeno
grande na sua sina de encantar
luz dos corações
esperança de boas novas.

Sol que veio aquecer
nossas almas
alegrar nossas vidas
fortalecer a harmonia familiar.

Meu neto, meu presente
minha vida
meu bem maior,
Benício.

Belo Horizonte, 14 de dezembro de 2014.
VAnessa Arruda, uma avó encantada!

Categoria: Poemas

Últimos Posts