junho 17th, 2016

Apaixone-se por você, pelo que faz
descubra oportunidades incríveis

Aprender a gostar de si é o primeiro passo para uma vida mais plena e feliz. No aprendizado da autoestima, a pessoa procura oferecer a si aquilo que lhe faz crescer e se sentir bem. E, estando satisfeita, ela se vê merecedora de toda a felicidade e sucesso.
Abre-se, inclusive, um leque de oportunidades internas. Até mesmo os processos de criatividade, produtividade e dedicação são aflorados. Esta paixão é o catalisador para atingirmos nossas metas pessoais e profissionais.
Todo esse bem-estar pessoal nos leva ao segundo passo, que é apaixonar-se pelo que você faz. Há uma frase de Confúcio, o mais famoso filósofo e pensador político da China, que diz: “Escolha um trabalho que você ame e não terá que trabalhar um único dia em sua vida”. A premissa é exatamente esta! Quando amamos aquilo que fazemos, automaticamente nos dedicamos de forma completa às nossas atividades.
Uma questão importante para se apaixonar pelo que faz é permitir descobrir novas oportunidades. Se ainda não está contente, saia da sua zona de conforto, descubra o que faz o teu coração vibrar e se orgulhe disso. Isso não depende de ninguém mais além de você!
Fazer o que realmente gosta não significa que não terá percalços pelo caminho. Mas, se você estiver feliz, até as adversidades funcionarão como propulsores para alcançar as metas.
É preciso tentar enxergar os problemas de uma forma mais positiva. Pessoas otimistas não encaram desafios como barreiras, mas como novas oportunidades, e este é um dos fatores para que continuem sempre motivados e apaixonados.
Assim como apaixonar-se por alguém, é importante descobrir em nossas atividades aspectos que nos inspiram, além de novas possibilidades. Estar à frente de algo desconhecido também pode ser um caminho para encontrar novas habilidades. E porque não uma nova paixão?
Vá em frente, permita-se viver apaixonado pelo que faz!

Autora: Silvia Bez (site RZT Comunicação)

Você pode acompanhar as respostas para este post assinando nosso RSS 2.0 feed. Você pode deixar um comentário, ou trackback do seu site.

Deixe um comentário