outubro 17th, 2014

Redes Sociais

Inevitavelmente as redes sociais chegaram com toda a força e mudaram totalmente nosso estilo de viver. Fazem parte de nossas vidas como o comer e o beber, chegando a superar as necessidades mais básicas de todo ser humano. Aceitamos ficar sem comer, ficar sem dinheiro, mas ficar sem celular, sem tablet, sem note book… ah, não dá não.
Isto tudo se explica pelo poder que a internet exerce sobre todos nós. Interatividade, conectividade, possibilidade de se expressar, de criar e consumir notícias, ideias, opiniões, diversões. Criar videoclipes, cativar olhares, partilhar, curtir e se mostrar ao mundo é muito fascinante.
Segundo a opinião dos usuários mais aficionados por este meio de comunicação, não estar conectado ao Facebook, ao Twitter, You Tube e a outros como WhatsApp é estar fora da moda, fora da órbita. Uma exclusão total.
O Jornal Folha de São Paulo divulgou que em 2013 somente o facebook tinha mais de 76 milhões de usuários. Diante deste universo cheio de possibilidades e oportunidades por que não usá-lo a nosso favor?
É isto mesmo. Temos algo incalculável nas mãos e o usamos para nos expor de modo negativo. As redes sociais não estão dissociadas do mundo do trabalho do nosso social. Ambos se confundem e se misturam. Portanto, é inteligente não se expor demais. Publicar fotos sensuais, falar mal do emprego e dos colegas de trabalho é um péssimo negócio. Em algumas situações se posicionar com relação á política, religião, futebol não é bem visto.
Precisamos nos conscientizar que nossa vida pessoal deve ser preservada, até mesmo por questões de segurança. Ou por questões de se manter o emprego ou pela possibilidade de obter novas oportunidades no mercado de trabalho. Atualmente muitas empresas analisam não apenas os curriculos dos candidatos, mas principalmente o que eles andam postando.
Outro ponto considerado negativo pelas empresas é o uso do celular na hora do expediente. “O ideal é que nada seja postado durante a hora do trabalho. Isso pode passar a impressão de que o funcionário está se divertindo em vez de trabalhar” é o que aconselham os profissionais de RH.
O mundo virtual abre possibilidades incalculáveis mas também pode fechar portas e trazer perdas que podem sair caras demais. É preciso ser inteligente até para usufruir da internet!

Matéria publicada no Jornal Vespasiano em Notícias- outubro/2014

VAnessa Arruda- vanessaarruda.com.br
Mestranda em Administração, Jornalista, Pós Graduada em Marketing Político, Membro da Academia de Letras de Vespasiano, Poeta, Escritora e Professora Universitária – ser/2014

Você pode acompanhar as respostas para este post assinando nosso RSS 2.0 feed. Você pode deixar um comentário, ou trackback do seu site.

Deixe um comentário