dezembro 30th, 2016 | Sem Comentários »

Que venha 2017!

Sinceramente? Não vejo a hora de festejar a chegada do ano de 2017. Ô ano difícil este que já vai chegando ao seu final, viu? Muito desemprego, inflação nas alturas, caos na saúde e na educação, desrespeito com o direito do outro, políticos sendo desmascarados, desastres ambientais como o rompimento da barragem em Mariana, acidentes chocantes, leis sendo voltadas na calada da noite que só prejudicam o povo… enfim, coisas ruins que deixarão marcas profundas em todos nós.
O que esperar de 2017? Para muitos economistas não há boas perspectivas para o Brasil. E para nós, pessoas comuns, acredito que só tem um jeito de encarar a situação, então, que seja da forma mais leve e espirituosa. Simples assim.
A Psicóloga e Coach Suzanni Marota, de forma poética, fala da necessidade de sentirmos aromas do recomeço. A cada etapa, sempre um novo começo, um novo aroma e novas esperanças.
Aromas de fim de ano despertam nossa consciência e induzem às boas reflexões que permitem um olhar mais doce e mais leve de nós mesmos. Certamente possibilitará menos culpas e mais fé. Contabilizaremos menos mágoas e muito mais perdão. Também mais ganhos para agradecermos. Ah, o agradecer! Mais que palavra, um sentimento fundamental em nossas vidas.
Celebrarmos a possibilidade de sermos felizes e distribuirmos abraços e mais abraços. Mais carinhos e mais tempo junto de quem amamos. Mais família junta, uma família grande… tipo aquela que junta vizinho, parente de parente, colega do primo, cachorro, papagaio. Família de casa, de rua, da escola, do trabalho, do grupo de oração, família da vida! Mais família, por favor!
O importante é que neste “finzinho” de ano possamos encher nossas vidas com todos os bons aromas de valorização das pessoas, das escolhas certas e ainda, que possamos espalhar cheiro de festas, de vida e de amor. Amor que é um bom fermento para levedar o mundo inteiro, produzindo esperança de recomeços bonitos. Que a gente espalhe cheiro de vida nova por aí!!!
Feliz Natal e feliz Ano Novo para todos!
(Texto adaptado da autora Suzzanni marota)
Matéria publicada no Jornal Tribuna das Gerais, dez/2016.

Últimos Posts